A Angélica está de volta e apresenta-nos a série Inventing Anna

3.8
(4)

Inventing Anna é uma minissérie americana da Netflix, que estreou em fevereiro deste ano. A série é baseada na criminosa Anna Sorokin, ou conhecida por outros como Anna Delvey, e no artigo intitulado “How Anna Delvey Tricked New York’s Party People”, da  jornalista Jessica Pressler. A série foi criada e produzida por Shonda Rhimes.

 

A série gira à volta da personagem Vivian Kent, interpretada por Anna Chlumsky, provavelmente inspirada em Jessica Pressler, que tenta escrever um artigo sobre Anna Delvey, interpretada por Julia Garner. Porém,como ela é um mistério para todos, torna-se difícil descobrir qualquer coisa. Descobrimos sobre a possível história de Anna através de Vivian que fala com os amigos da criminosa e também, através de flashbacks de Anna. Além disso, ainda acompanhamos o julgamento (fictício) de Anna.

A verdadeira Anna Sorokin é russa e durante a sua adolescência mudou-se para a Alemanha com a família. Quando se tornou uma jovem adulta, mudou-se para outros países da Europa como, Inglaterra e França, por causa dos estudos ou trabalho. Posteriormente, mais concretamente, em 2013, mudou-se para Nova Iorque.

Anna apresentava-se como uma herdeira alemã, com mais de cinquenta milhões de euros em bancos estrangeiros, o que posteriormente se mostrou falso. Vive uma vida luxuosa em Nova Iorque, frequentando em hotéis caros, restaurantes premiados, enquanto se rodeava de pessoas com estilos de vida semelhantes. Para além disso, ambicionava criar a sua fundação artística num edifício caro, o Church Missions House.

Em 2017, Anna Delvey foi presa devido a seis acusações de furto por supostamente enganar ricos empresários de Nova York, vários hóteis e de roubar cerca de sessenta mil dólares a uma “amiga”. Foi condenada a entre quatro a doze anos de prisão, mais multas.

 

Em fevereiro de 2021, graças ao bom comportamento e ao dinheiro que recebeu da Netflix pelos direitos da sua história, Anna Sorokin saiu da prisão em condicional. Em menos de um mês, voltou a ser presa, pois o seu visto expirou e até agora aguarda informação sobre a sua possível deportação, sem data.

A “amiga” que foi roubada, Rachel Deloache, escreveu um livro sobre Anna, chamado “ My Friend Anna: The True Story of a Fake Heiress” e um artigo para a Vanity Fair, na altura que ela foi presa. Além disso, a influencer Alex Cooper entrevistou recentemente Anna Sorokin por videochamada, pois Anna estava e ainda está na prisão, para o seu podcast,

A série foi muito interessante e gostei muito, pois fiquei a saber sobre este crime e todo o mistério à sua volta e recomendo a qualquer um ver a série. Além disso é bom voltar a escrever para o Comunica.

Angélica Pereira Duarte

Gostaste desta publicação?

Deixa a tua votação! Ou se quiseres, comenta abaixo.

Média das votações 3.8 / 5. Vote count: 4

Ainda sem votos. Queres ser o primeiro?

Ai é?

Segue-nos nas Redes Sociais