A libertação da princesa

5
(2)

Mais uma história magnífica para assinalar o Dia de S. Valentim.
Quando partiu para a aventura de salvar a princesa, este cavaleiro nunca imaginou que iria casar-se com ela e ainda receber, das mão do rei, uma carroça cheia de ouro.

Por: Lisandro (7B)

Há muito tempo, num reino muito distante, a filha do rei tinha sido raptada pelos seus inimigos e estava presa na torre de um grande castelo. O seu pai estava muito preocupado com a princesa e ela só queria sair de lá, mas ninguém tinha coragem para ir lá libertá-la.
Certo dia, apareceu no reino um príncipe, que tinha tomado conhecimento daquela situação, dirigiu-se ao rei e ofereceu-se para ir libertar a princesa, sua filha. O rei ficou muito contente e aceitou a ajuda.
O príncipe partiu e dirigiu-se para o tal castelo. Quando lá chegou, deparou-se com um terrível monstro que protegia a torre. Procurou outras alternativas para entrar, mas não havia qualquer hipótese. Então, como era muito corajoso e valente, decidiu enfrentar o monstro e, depois de algumas horas a lutar contra ele, conseguiu vencê-lo e atirá-lo para as masmorras.
Depois subiu à torre, encontrou a princesa e salvou-a. Ela ficou-lhe muito agradecida e jurou-lhe amor eterno.
Quando os dois chegaram junto do rei, o príncipe entregou-lhe a princesa e, delicadamente, pedi-lha em casamento. O rei estava tão feliz que aceitou de imediato e, além de lhe conceder a sua filha, deu-lhe também uma carroça cheia de ouro.
O príncipe cavaleiro e a princesa viveram felizes para sempre.

Gostaste desta publicação?

Deixa a tua votação! Ou se quiseres, comenta abaixo.

Média das votações 5 / 5. Vote count: 2

Ainda sem votos. Queres ser o primeiro?

Ai é?

Segue-nos nas Redes Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.