Há, no mundo atual, uma evidente crise da família tradicional? 

4
(4)

A família é um conceito que todos estamos habituados a ouvir. Existem os nossos ascendentesnós somos os descendentes e vai-se construindo toda uma linhagem. 

Muitas pessoas também têm “a família que escolhemos”, ou simplificando, os amigos. A questão é, entre amigos, pais adotivos, mães e pai solteiros, padrastos e madrastas, estará a haver uma crise na família tradicional? A família que é por muitos considerada “o tipo de família normal”?

Pessoalmente, não lhe chamaria crise. Acho que é uma palavra demasiado forte e negativa para justificar o facto de o número de famílias tradicionais (composta por uma mãe, um pai e um ou mais filhos/as) estar a diminuir em função do aparecimento de novos tipos de famílias. No entanto, não nego que estas famílias tradicionais estejam a diminuir com o passar do tempo. Há diversos casos de mães solteiras (que juntamente com o/os filho/os formam uma família monoparental), pessoas divorciadas que se voltam a casar (e passam a ser uma família reconstituída) ou casais homossexuais que decidem constituir uma família (e são considerados uma família informal), mas acho importante referir que o amor e afeto a que os filhos estarão sujeitos não estão dependentes do tipo de família, e isso faz com que qualquer tipo de família tenha toda a credibilidade e mereça todo o nosso respeito.

Amar e sentir que se é amado é indispensável à vida e a família são as primeiras pessoas a amar-nos, então independentemente de se os pais são casados pelo registo civil ou não ou se os pais estão divorciados ou não ou se são pais adotivos ou biológicos, deixemos que os seus respetivos filhos saibam o que é ser amado por alguém, sem qualquer tipo de julgamento pela parte daqueles que nasceram numa família considerada “normal” pela sociedade.

Gostaste desta publicação?

Deixa a tua votação! Ou se quiseres, comenta abaixo.

Média das votações 4 / 5. Vote count: 4

Ainda sem votos. Queres ser o primeiro?

Ai é?

Segue-nos nas Redes Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.