Um filme sobre o drama das crianças vítimas de guerra no Sudão [parte 1]

5
(1)

“Uma boa Mentira”, do realizador Philippe Falardeau, mostra-nos um grupo de crianças refugiadas do Sudão que ficam de um momento para outro órfãs e têm de lutar pela sua sobrevivência, num exemplo tremendo de coragem.

Mamere e Theo vivem numa pacata aldeia no Sudão, mas de repente toda a sua vida muda quando um grupo de terroristas incendeia a aldeia e mata todos os seus habitantes adultos. Percorrem então a pé cerca de 2000km para conseguirem escapar ao terror e chegar a um campo de refugiados onde têm posteriormente a oportunidade de ir para os EUA. Esta é uma história baseada em factos reais.

 Quando chegaram aos Estados Unidos da América, tudo mudou porque têm de enfrentar uma realidade diferente da que estavam habituados. São acolhidos na casa de Carrie, uma técnica da segurança social e rapidamente se apercebem do choque de culturas quando começam a ter saudades dos animais ou a verem a quantidade de desperdício que existe, quando vêm os americanos a mentir ou reparam que não é “obrigatório” ter marido nem aldeia. 

Nós achamos que este filme é uma grande força inspiradora, pois mostra uma realidade nós desconhecíamos. O que é impressionante para nós porque são apenas crianças e já têm o instinto de sobrevivência.

Depois de termos assistido a este filme, ficamos com outra visão da vida de milhares de crianças e sobre a nossa própria vida.  

Eduarda, Jéssica, Lara e Mateus  | 9C

Gostaste desta publicação?

Deixa a tua votação! Ou se quiseres, comenta abaixo.

Média das votações 5 / 5. Vote count: 1

Ainda sem votos. Queres ser o primeiro?

Ai é?

Segue-nos nas Redes Sociais