Na Prova de Encerramento - Orientação do Desporto Escolar os alunos conseguiram mais duas medalhas... e algum material escolar!

  • 2.° Classificado - Open Médio - Miguel Oliveira
  • 1.° Classificado - Juvenis Masculinos - Bruno Lopes

 

Nos dias 23 e 24 de março de 2018, os alunos Cristiano Vilas Boas (7ºC) e Carlos Crisóstomo (9ºB), deslocaram-se a Lisboa, integrados na comitiva da Coordenação Local de Desporto Escolar de Viana do Castelo, para participar no MEGA Nacional. Este evento decorreu no Estádio Universitário de Lisboa e os nossos alunos estiveram envolvidos em provas de salto em comprimento e sprint.

O Carlos Crisóstomo (Juvenil Masculino) deu o seu melhor na velocidade, realizando a 1ª fase de competição.

O Cristiano Vilas Boas (Infantil B Masculino) sagrou-se Campeão Nacional com um salto de 5,10m.

Bem hajam estes dois alunos que, numa competição nacional, envergaram a camisola do Agrupamento de Escolas de Freixo: Este Freixo tem asas!!!

O Agrupamento de Escolas de Freixo foi galardoado, ontem, com o Troféu Desportivo "O Minhoto" 2017, na categoria Clube de Desporto Escolar, com a seguinte candidatura, publicada na XXI Edição da revista O Minhoto - Troféus Desportivos:

Na última década, o Agrupamento de Escolas de Freixo tem-se perfilado como o grande promotor de atividade desportiva diversificada no seio da comunidade educativa. Anualmente, tem envolvido mais de metade da sua população escolar em treinos, competições e organizações, no âmbito da atividade interna e externa do Desporto Escolar (DE): grupos-equipa de Atletismo, Badminton, Boccia, Dança, Futsal Feminino, Natação, Orientação, Ténis de Mesa e Voleibol e outros projetos do DE / federações desportivas nacionais e internacionais. Acresce o envolvimento local da comunidade, numa dinâmica impar de apoio prestado por Associação de Pais, Autarquia, Juntas de Freguesia e Casa do Povo e o estabelecimento de Protocolos de Cooperação com escolas de proximidade, a Federação Portuguesa de Orientação e a Associação Amigos da Montanha.

O Agrupamento de Escolas de Freixo foi premiado pela Fundação Ilídio Pinho na 15.ª Edição do Prémio Ciência na Escola com dois projetos. Estamos mais uma vez de parabéns!

Follow Hope, Coordenado pela Professora Elisabete Silva
O projeto visa construir um robot autónomo ou semiautónomo que auxilie uma aluna com Disfunção Neuromuscular congénita progressiva, auxiliando-a na deslocação e no transporte do material escolar.

Meteo Freixo, Coordenado pelo Professor Sérgio Bastos
Este projeto será desenvolvido por um grupo de 25 alunos do 7.º/8.º ano, com o apoio de 1 docente e baseia-se no desenvolvimento de atividade científica no âmbito da meteorologia e proteção civil.

A Fundação Calouste Gulbenkian premiou (novamente) o Agrupamento de Escolas de Freixo através do projeto “Hiper@gir para Mudar”, apresentado pelo Departamento de Educação Especial, no âmbito da candidatura de apoio a atividades e ações destinadas a promover a educação, no âmbito da intervenção precoce, reabilitação e integração escolar e social de crianças e jovens com necessidades educativas especiais.

O projeto HIPER@GIR PARA MUDAR incide num estudo de caso através da implementação de uma metodologia inovadora no sistema educativo que objetiva a diminuição da impulsividade, o aumento da atenção e consequente produtividade, através da utilização da mesa “Nómada Desk”, a qual foi idealizada para as crianças trabalharem em pé. Para tal, foi estabelecida uma parceria com a empresa Weproductise-Serviços de Engenharia (Innovative eco-design for better living experiences).

Tendo por base os estudos realizados nos Estados Unidos e em Inglaterra, os quais confirmam progressos em termos de atenção/concentração e desempenho académico, esta será a primeira iniciativa em Portugal a ser desenvolvida junto dos alunos com PHDA (http://standupkids.org, http://ww2.kqed.org, http://standupkids.org). é pretensão deste Agrupamento realizar um estudo junto dos alunos com Perturbação de Hiperatividade com Défice de Atenção, baseado na observação e monitorização dos progressos evidenciados em termos de comportamento, atitudes, participação e aproveitamento académico, servindo de mote para um estudo de caso.

Também serão realizadas várias ações de formação para docentes, assistentes operacionais (alargadas aos Agrupamentos vinculados ao Centro de Formação Contínua-CENFIPE, palestras dirigidas aos pais/encarregados de educação e campanhas de sensibilização para alunos com o intento de abordar as problemáticas da Paralisia Cerebral e Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção.

O Agrupamento receberá 8.500 € para concretizar este projeto. Recorde-se que a Fundação Calouste Gulbenkian premiou o Agrupamento de Escolas de Freixo em 2013, com os projetos “Mexe-te Pá!” (1.000 €) e “Uma Escola IN” (5.500 €).

 

O Maker Faire Rome, selecionou o Agrupamento de Escolas de Freixo com o projeto "Dance Robot art, build your STEM dreams" a participar, de 14 a 15 de outubro de 2016, num dos maiores eventos tecnológicos em território europeu.

O Maker Faire Rome é organizado pela Innova Camera, Special Agency of the Rome’s Chamber of Commerce, cuja missão é colocar a cidade de Roma no centro do debate sobre a inovação, a difusão da cultura digital e desenvolver o empreendedorismo individual e coletivo. Será um evento onde pessoas de todas as idades e origens se reúnem para mostrar o que estão a desenvolver e compartilhar as suas ideias e projetos com todo o mundo.

O Make Faire Roma combina ciência, ficção científica, tecnologia, entretenimento e negócios para criar algo totalmente novo. No Maker Faire encontraremos invenções no campo da ciência e tecnologia (de impressoras 3D, wearables, drones, robôs e desenvolvimento digital), mas também novas formas de arte, entretenimento, artesanato, experiências gastronómicas e atrações nunca antes vistas.

O número de projetos selecionados foi limitado a apenas 15 escolas Europeias. O projeto do Agrupamento de Escolas de Freixo faz parte deste grupo restrito de 15 escolas.

Com este projeto pretendemos mostrar o que de melhor se faz no Agrupamento de Escolas de Freixo, nomeadamente no Clube de Robótica e no FabLab Freixo. Desde impressões em 3D a sistemas inovadores de locomoção robótica aliados à arte. O Agrupamento de Escolas de Freixo tem vindo, nos últimos anos, a trabalhar na construção de robôs autónomos, quer no Clube de Robótica (desde 2006) quer, mais recentemente, no FabLab Freixo (2014) com o apoio da Weproductise.

A construção de robôs é uma atividade com um forte caráter multidisciplinar. Esta atividade requer conceitos aplicados de diversas áreas. Isso faz com que a construção de pequenos robôs seja uma atividade de valor educativo considerável contribuindo para sedimentar os conhecimentos adquiridos pelos alunos.

Para além disso, inclui um conjunto de medidas destinadas a estimular o gosto pela ciência, da importância e aplicações da ciência no dia-a-dia e despertar o interesse em áreas científicas ainda inexploradas. Este ano, o robô idealizado pelos alunos teve por base o popular jogo Minecraft Education”. O jogo e personagem virtuais, “ganharam vida”: https://www.youtube.com/watch?v=Q01DVLNTq0c

A organização do Maker Faire convidou 2 alunos e 1 professor a viajar para Roma, onde terão como missão partilhar as suas ideias e criar uma rede “Maker” europeia! No entanto, muitos mais alunos e professores fazem parte deste grande grupo de “Makers Freixo”.

Assim, acreditamos que a participação no Maker Faire Rome será um passo importante na partilha de conhecimentos com os participantes!

Meteo Freixo

Escola Saudável

Follow Hope

Regulamento Geral da Proteção de Dados

Encarregado de Proteção de Dados

Direção de Serviços da Região Norte – Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares

Encarregado: Esmeralda Diegues Nascimento
E-mail: rgpd.dsrn@dgeste.mec.pt
Telefone: 225 191 900
Morada: Rua António Carneiro, 98, 4349-003 Porto

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DOS DADOS PESSOAIS

Go to top